Bom Sucesso - Projeto Comunidade Ativa

BOM SUCESSO – SÃO MATEUS

PROJETO COMUNIDADE ATIVA

O Coletivo Cultural – formado pelas parcerias entre o Grupo de Dança Sama Break Crew, o Movimento Sama Jovem, a Eco-Vídeos (Educação Ambiental) e as Artesãs da Associação de Moradores de Bom Sucesso – pretende implantar atividades sociais e culturais no Bairro Bom Sucesso, em São Mateus, através do Projeto Comunidade Ativa.

O representante do Coletivo Cultural – Projeto Comunidade Ativa é o profissional em danças e professor de Educação Física Pyu Lopes - David Lopes Santos, premiado nacionalmente pelo Ministério da Cultura/Funarte, nos projetos Festival Hip Hop SamaJovem, em 2011, e Batalha City, em 2015, pela difusão do movimento Hip Hop no município de São Mateus e na Região Norte do Espírito Santo, e também pela difusão de outras expressões culturais, como música, audiovisual, artesanato, meio ambiente etc.

O projeto Comunidade Ativa pretende realizar objetivamente a integração social da juventude do Bairro Bom Sucesso, por meio de ações artísticas e culturais, com oficinas de danças, capoeira, artesanato, mídia digital, educação ambiental e organização de eventos coletivos para a juventude das periferias.

O Projeto representa uma oportunidade para os jovens que se encontram em situação de vulnerabilidade social conhecerem a cultura e as suas várias manifestações, proporcionando ações socioculturais que possam contribuir para a construção da cidadania e da transformação social da juventude no Bairro Bom Sucesso. Pretende, também, prestar serviços de orientação e consultoria na área de empreendedorismo sociocultural para atender às organizações parceiras do Bairro Bom Sucesso. Outro objetivo do projeto é incentivar a formação da rede de solidariedade, com a participação das organizações do terceiro setor do bairro Bom Sucesso, de órgãos públicos e de empresas locais e regionais.

AÇÕES DE FORMAÇÃO

O Projeto Comunidade Ativa pretende oferecer aos adolescentes e jovens do Bairro Bom Sucesso o acesso gratuito a 125 vagas para cinco oficinas, além da etapa de organização de eventos:

1. Oficina de Dança (Break): visa promover estudos das linguagens corporais dos elementos do movimento Hip Hop, por meio do intercâmbio com grupos e personalidades reconhecidas e premiadas na área, com troca de experiências sobre os quatro elementos do Hip Hop: Break Dancing, Musicalidade com DJ e MC, fomento de Criação de Grafiti e Criação de Rap, junto às reflexões da juventude da comunidade.

2. Oficina de Capoeira: através dos treinamentos e estudos da Capoeira e de suas manifestações culturais, tais como Maculelê, Puxada de Rede e Samba de Roda, poderá gerar a oportunidade para os jovens participarem de Grupos de Capoeira consolidados, como o Grupo Capura Raça, entre outros, ou para formar grupos locais, na comunidade e entre os parceiros estratégicos.

3. Oficina de Artesanato: visa promover a Produção Artesanal com base nos estudos e aprimoramento, de modo a qualificar os jovens para integrar a Associação de Moradores do Bairro Bom Sucesso, ou para formar um novo Núcleo de Produção de Artesanato no bairro.

4. Oficina de Mídia Digital: a partir da integração e da participação da juventude do Bairro Bom Sucesso, em parceria com órgãos, organizações do Terceiro Setor e grupos de artes, poderá gerar a formação de um Grupo de Mídia Digital, ou a integração dos jovens aos grupos consolidados, para criação de Núcleo de Produção, Criação de Temáticas de Comunicação Social, Criação de Clipes Musicais e Audiovisual, Produção de Releases e textos para publicação em Mídia Digital.

5. Oficina de Educação Ambiental: com a formação do Núcleo de Preservação Ambiental no Bairro Bom Sucesso, poderá gerar a oportunidade de os jovens se integrarem aos Grupos consolidados ou formarem novo grupo no bairro, para desenvolvimento de ações socioculturais transversais da arte e da cultura com o meio ambiente, para programas de reflorestamento, ornamentação, manutenção de paisagismo e jardinagens no Bairro Bom Sucesso.

6. Eventos: os alunos poderão formar um novo grupo de Produção Cultural ou integrar os grupos consolidados para realização das ações protagonistas do Projeto Comunidade Ativa. Um dos objetivos é promover a integração do Coletivo Cultural na organização dos eventos que irão apresentar a mostra de resultados das oficinas.

COMUNIDADE ATIVA

Contato:

Facebook - https://www.facebook.com/samajovem

EQUIPE

David Lopes Santos – coordenador, Oficina Break

Deusemildo Lopes dos Santos – assistente-oficineiro, contramestre de capoeira

Soliven Alves – oficineiro, contramestre de capoeira

Rithielly de Bessa – assistente, workshop Mídia Digital

Vania Sousa – assistente, workshop Produção Artesanato

Rosemary Nobre Pinheiro – assistente, workshop Educação Ambiental

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard