06/04/2018 16h03 - Atualizado em 10/04/2018 16h48

“Trocando Ideia” vai a cinco bairros do Ocupação Social em abril

O projeto "Trocando Ideia", da Secretaria de Estado de Direitos Humanos (SEDH), estará em cinco bairros do Ocupação Social neste mês de abril, levando conhecimento e promovendo o diálogo entre servidores da SEDH e a juventude das comunidades, sobre diferente temas. 

A primeira ação acontece no dia 11 de abril e será comandada pelo assessor especial da SEDH, José Roberto Santos Neves. Ele vai destacar a importância da cultura como elemento de identidade dos jovens, por meio das diversas expressões artísticas desenvolvidas nos bairros atendidos pelo Ocupação Social. Este primeiro encontro será realizado no bairro Feu Rosa, na Serra, das 16h às 18h, no Centro de Vivências, Rua dos Cravos, s/n, ao lado da Associação de Moradores. Esse mesmo bate-papo também vai acontecer no dia 17 de abril, das 14h às 16h, em Barramares, Vila Velha, na Igreja Batista Centésima Ovelha; e no dia 18, às 19h, no Bairro das Laranjeiras, no Centro Comunitário de Jacaraípe, Avenida Guarani, s/n, Serra.

No dia 12 de abril, a conversa será sobre outro tema: “Tradição dos povos Tupiniquim e Guarani no Espírito Santo”, uma ação coordenada pela gerente de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, Neiriele Marques da Silva. A ação vai acontecer às 14 horas, no CRAS/CAI de Jardim Carapina, localizado na Rua Salvador, s/n, Serra.

E, por fim, a Coordenação de Políticas LGBT da Secretaria, em parceria com a Defensoria Pública, também vai realizar uma ação sobre o tema “Direitos de Travestis e Transexuais na atualidade”. O encontro será no dia 12 de abril, às 14 horas, com o defensor público Douglas Admiral, na quadra da Escola de Samba de São Torquato, em Vila Velha.

 

Informação à Imprensa:
Assessoria de Comunicação da Secretaria de Direitos Humanos – SEDH
Suellen Barone / Maurílio Mendonça
Telefone: 3636-1334
E-mail: suellen.barone@sedh.es.gov.br / maurilio.mendonca@sedh.es.gov.br

 

 

 

 

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard