18/11/2022 19h07 - Atualizado em 21/11/2022 11h07

Transferência simbólica da Capital para São Mateus é realizada em celebração ao Dia da Consciência Negra

Foto: Gabriel Miossi/SECOM São Mateus

Foi realizada na manhã desta sexta-feira (18) a solenidade de transferência simbólica da Capital do Espírito Santo para o município de São Mateus, ato que é realizado em celebração ao Dia Nacional da Consciência Negra, previsto na Lei Estadual nº 8.790/2007 e faz parte da programação da Secretaria de Direitos Humanos (SEDH) para o Novembro Negro. O evento ocorreu no Sítio Histórico Porto e foi presidido pela governadora em exercício, Jacqueline Moraes.

Carregando o título de primeira mulher negra a ser eleita para o cargo de vice-governadora e ocupando o cargo de governadora em exercício, Jacqueline Moraes destacou o protagonismo do Estado na autonomia e proteção da população negra capixaba.

“Me orgulho de participar desta celebração. No Dia Nacional da Consciência Negra o Espírito Santo faz a transferência simbólica da Capital do Estado para São Mateus. Isso nos leva a pensar, a partir daqui, como um lugar de sonho do povo negro. As políticas afirmativas mostram que pretos e mulheres são a maioria da população, e se são maioria, precisam também ocupar os espaços de poder. Acredito muito nisso e vou continuar lutando para que estas mudanças continuem acontecendo”, disse a governadora em exercício.

A secretária de Estado de Direitos Humanos, Nara Borgo, relembrou o marco histórico que a solenidade representa. “Foi em São Mateus que viveu Zacimba Gaba, mulher negra que lutou, resistiu e libertou muitas pessoas que foram escravizadas. Aqui atracou o último navio negreiro que chegou ao Brasil e aqui tem uma grande população negra. Estar nesta cidade hoje, com nossa governadora em exercício que é uma mulher negra, para esta solenidade, também é histórico. Que possamos lutar dia a dia contra o racismo, que sejamos antirracistas e possamos transformar nossa sociedade em um espaço realmente democrático, justo e igualitário”, afirmou.

Para a gerente de Promoção da Igualdade Racial da SEDH, Edineia Conceição de Oliveira, a transferência simbólica da Capital do Estado realiza um resgate cultural do território da população negra capixaba. “Essa ação representa o reconhecimento a toda história do povo negro para os capixabas. É importante fomentar as políticas públicas para a população dessa cidade que tem uma representação tão grande para nosso Estado”, pontuou.

Consciência Negra

O Dia da Consciência Negra relembra, por meio de campanhas em todo Brasil, a morte de Zumbi dos Palmares, líder quilombola que representa a luta dos negros contra a escravidão na época da colonização do País (1530 – 1888). Inicialmente incluída em 2003 no calendário nacional, a data foi oficializada pela Lei nº 12.519 no ano de 2011.

Em razão das celebrações do Novembro Negro, a SEDH preparou uma agenda especial, que teve início no último dia 03 de novembro e segue até o próximo 29 de novembro.

Prêmio Benedito Meia Légua

Logo em seguida a solenidade, ocorreu a premiação Benedito Meia-Légua, que contempla personalidades negras que se destacam ou se destacaram na luta quilombola e na promoção da igualdade racial.

O prêmio entregue anualmente homenageia, ao todo, sete personagens significativos para a valorização da população negra e é dividido em três categorias: personalidades capixabas atuantes na luta quilombola, personalidades capixabas que se destacam na luta pela promoção da igualdade racial, in memoriam e personalidade nacional com destaque na luta pela promoção da igualdade racial. 

Programação

Além da solenidade de transferência da Capital do Estado, a agenda oficial do Mês da Consciência Negra em São Mateus contou com diversos eventos ao longo do dia, a começar pelo café da manhã com cultura tradicional às 08h30, seguido pela palestra de Direito e Igualdade Étnico-racial com o Dr. Homero Mafra às 9h.

A transferência simbólica da Capital para a Cidade de São Mateus aconteceu às 10h30, logo depois ocorreu a premiação Benedito Meia Légua às 11h30.

No período da tarde, está na programação uma apresentação cultural de jovens do Centro de Referência da Juventude (CRJ) de São Mateus.

Além dos eventos listados, ocorreram outras atividades como exposição de arte, mostra de artesanato, apresentações culturais, corte de cabelo, oficina de maquiagem e penteados afros e pula-pula para a criançada.

Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação da Vice-Governadoria
Íris Carolina Miguez
(27) 3636-1432 / 98868-1847
iris.carolina@vice.es.gov.br

Assessoria de Comunicação da SEDH
Juliana Borges
(27) 3636-1334
juliana.paiva@sedh.es.gov.br

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard