03/04/2020 17h03 - Atualizado em 18/05/2020 21h12

SEDH lista serviços de atendimento público para auxiliar casos de violência contra mulher

O Espírito Santo segue as medidas de distanciamento social recomendadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e Ministério da Saúde para minimizar a contaminação pelo novo Coronavírus, por meio do Decreto nº 4.593-R, que constitui Estado de Emergência em Saúde Pública. Dessa forma, as pessoas estão permanecendo mais dentro das casas, mas esses locais mais seguros contra a doença podem também representar insegurança.  

 

Pensando nisso, a Secretaria de Direitos Humanos (SEDH), por meio da Subsecretaria de Políticas para Mulheres, reuniu em uma lista os principais canais para atendimento em casos de violência e denúncias.

 

Órgãos municipais:

  • Prefeitura de Anchieta: (28) 3536-1145
    Atendimento de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h

  • Prefeitura de Atílio Vivácqua: (28) 99976-9497
    Atendimento de segunda a sexta-feira, das 7h às 13h

  • Prefeitura de Cariacica: (27) 3354-5551 ou (27) 3354-5555
    Atendimento de segunda a sexta-feira, de 12h às 17h

  • Prefeitura de Domingos Martins: (27) 99526-8195 ou (27) 3268-3414
    Atendimento de segunda a sexta-feira, de 7h30 às 12h

  • Prefeitura de Dores do Rio Preto: (27) 99526-8195/ (27) 3268-3414
    Atendimento de segunda a sexta-feira, de 7h30 às 12h

  • Prefeitura de Ibatiba: (28) 3543-1240
    Atendimento de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h

  • Prefeitura de Iconha: (28) 3537-2519
    Atendimento de segunda a sexta-feira, das 7h às 16h30

  • Prefeitura de Jerônimo Monteiro: (28) 3558-1555
    Horário de funcionamento: de 7h às 13h // Segunda a quarta: equipe de alta complexidade, quinta e sexta: equipe de média complexidade

  • Prefeitura de João Neiva: (27)3258-2725 ou (27) 99986-5271

  • Prefeitura de Montanha: (27) 99857-5289, (27) 99985-2056 ou (27) 3754-1589

  • Prefeitura de Mucurici: (27) 3751-1371, (27) 3751-1083 ou (27) 3751-1096
    Atendimento de segunda a sexta-feira, de 12h às 17h

  • Prefeitura de Nova Venécia: (27) 3751-9040 // (27) 3752-9009

  • Prefeitura de Presidente Kennedy: (28) 3535-1733
    Atendimento de segunda a sexta-feira, de 7h às 17h

  • Prefeitura de São Mateus: (27) 3767 - 8670
    Atendimento de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h

  • Prefeitura da Serra: (27) 99836-2909
    Atendimento de segunda a sexta-feira, de 8h às 17h

  • Prefeitura de Sooretama: (27) 3273-1891 ou (27) 99891-9261

  • Prefeitura de Venda Nova do Imigrante: (28) 3546-1188
    Atendimento de 9h às 15h

  • Prefeitura de Viana: (27) 2124-6753, (27) 2124-6781, (27) 99713-3679 - Central de Atendimento Assistência Social 
    Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher: (27) 3255-3095
    Gerência de Proteção à Mulher: (27) 99822-4116

  • Prefeitura de Vila Pavão: (27) 3753-1324 e (27) 3753-1239
    Atendimento presencial com agendamento (de segunda a quinta-feira, de 7h às 11h e 13h às 17h, e sexta-feira de 7h às 11h e 13h às 16h)

  • Prefeitura de Vila Velha: (27) 99873-6346
    Atendimento de segunda a sexta-feira das 8h às 23h, sábado de 12h às 23h e domingo pela manhã

  • Prefeitura de Vitória: (27) 99520-1927
    Atendimento de segunda a sexta-feira, de 12h às 19h


 

Serviços do Governo do Estado e outros órgãos:

 

  • Disque-Denúncia: 181


  • Central de Atendimento à Mulher: 180


  • Plantão Especializado de Atendimento às Mulheres: (27) 3323-4045


  • Defensoria Púbica Estadual: (27) 99837-4549 (WhatsApp)
    Mulheres que precisarem de medidas protetivas poderão fazer a solicitação por meio do site www.defensoria.es.def.br, no link “medida protetiva”.


  • Ministério Público: 127

  • Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU): 192

  • Polícia Militar: 190

  • Protocolo do Palácio da Fonte Grande: 3636-1466 e 3636-1467

Canal de atendimento psicológico

A Coordenadoria Estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar (Comvides) do Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES), em parceria com a ArcelorMittalTubarão e um grupo de psicólogas voluntárias, vai oferecer atendimento psicológico a mulheres vítimas de violência doméstica durante a pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Confira como entrar em contato:

  • (27) 992363792 – Segunda, quarta e sexta-feira – 13h às 16h
    Terça e quinta-feira – 13h às 18h

  • (27) 992342024
    Segunda, terça e quinta-feira – 8h às 11h
    Quarta-feira – 8h às 10h

  • (27) 992631179
    Segunda e quarta-feira – 14h às 20h
    Terça e quinta-feira – 8h às 12h
    Sábado – 9h às 12h

  • (27) 992624272
    Segunda, quarta e quinta-feira – 14h às 17h

  • (27) 992344401
    Segunda-feira – 14h às 17h
    Quarta-feira – 14h às 17h
    Sexta-feira – 14h às 17h

Caso a mulher não tenha créditos para ligar, a ligação pode ser feita a cobrar. Nesses casos, a psicóloga vai desligar a ligação e retornar para o número que fez o contato.

Mais informações

Como os atendimentos presenciais estão sendo evitados, a Polícia Civil tem reforçado que as denúncias precisam ser feitas por meio da internet nesta época de enfrentamento ao Covid-19, exceto para casos de estupro, que é necessária a presença da vítima. On-line, é possível fazer registro das ocorrências por meio do endereço eletrônico

É importante também destacar que a Defensoria Pública da União (DPU) pode auxiliar no atendimento às mulheres por telefone, sobre dúvidas com relação ao benefício emergencial, auxílio-doença, aposentadoria por invalidez, Benefício de Prestação Continuada (BPC/ LOAS), dentre outros. O contato é: (27) 98125-0036.

 

Prefeitura e outros órgãos que também tiverem serviços de atendimento às mulheres em situação de violência e quiserem compartilhar as informações para divulgação, podem procurar a Subsecretaria de Políticas para Mulheres por meio do e-mail mulheres@sedh.es.gov.br

 

Informações à Imprensa:

Assessoria de Comunicação da SEDH

Juliana Borges

(27) 3636-1334

juliana.paiva@sedh.es.gov.br

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard